BIOÉTICA PRINCIPIALISTA

Flávio RL Paranhos

Resumo


De todas as propostas teóricas bioéticas, o principialismo de Beauchamp e Childress foi a que alcançou maior popularidade. Sua obra Principles of Biomedical Ethics (2013) já se encontra na sétima edição e segue sendo a mais influente na Europa e Américas. O que não significa que seja de aceitação unânime. De toda forma, sendo mais uma ética biomédica do que propriamente uma bioética, seus quatro princípios (beneficência, não-maleficência, respeito à autonomia e justiça) são utilizados rotineiramente por profissionais de saúde de maneira quase intuitiva. O objetivo deste trabalho é apresentar as principais características destes princípios, tal como pretendem seus autores.


Referências


BEAUCHAMP, T.L.; CHILDRESS, J.F. Principles of biomedical ethics. 7.ed. New York: Oxford University Press, 2013.

CLOUSER, K.D.; GERT, B. A critique of principlism. The Journal of Medicine and Philosophy. 1990; 15: 228.

DEWEY, J. Human Nature and conduct. New York: Barnes and Noble, 2008; p.43-48.

DONAGAN, A. The theory of morality. Chicago: The University of Chicago Press, 1977. p105.

FOOT, P. The problem of abortion and the doctrine of the double effect. Oxford Review, 1967, 5: 5-15.

GADAMER, H.-G. Autoridade e liberdade crítica. In: GADAMER, H.-G. O caráter oculto da saúde. Rio de Janeiro: Vozes, 2006; p.122-129.

GARRAFA, V.; PORTO, D. Bioética poder e injustiça: por uma ética de intervenção. In: GARRAFA, V.; PESSINI, L. Bioética: poder e Injustiça. São Paulo: Loyola; 2003; p.35–44.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DO CENTRO UNIVERSITÁRIO FRANCISCANO

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

.........................................................................................................................................................................................................................

INDEXADA EM:

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.

Não há custos de publicação e leitura, mas doações são bem vindas.

Todos os custos são cobertos pelo Centro Universitário Franciscano.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.